Teste - Resposta de uma outra vida



“Às vezes fico muito triste com a vida e com as coisas que acontecem ao meu redor e acabo me sentindo entediado. Quero muito mudar tudo isso, mas me sinto sem forças”...


A aparente esterilidade da vida e a solidão são a grande sombra do caminho de vida desta pessoa que, estando nesta sintonia, não se sente realizada. Às vezes inclusive vem a sensação de ter tudo e de não ter nada ao mesmo tempo. É preciso tomar cuidado para não perder a motivação. Saiba que um dia você, que está nessa sintonia já teve tudo a seus pés e fez mau uso das suas possibilidades. Agora é hora de enfrentar dificuldades para aprender a valorizar a vida e tudo o que ela lhe oferece. Lembre-se que todas as situações são passageiras e que dias melhores virão. Tenha e cultive a sua fé.


O desafio é: Abrir o coração, expandir a sua luz e aprender com os semelhantes, porque em vidas passadas, você tendo sido uma pessoa de grande poder e prestígio, não enxergou as necessidades alheias e não ajudou quem poderia ter ajudado; com isso seu coração se fechou e você acabou se tornando uma pessoa muito exigente e triste para consigo mesma. Agora é hora de arregaçar as mangas e se colocar em atividades simples que lhe tragam alegria. Experimente cuidar de suas plantas, aprender a cozinhar ou até mesmo experimentar uma receita diferente no jantar. As alegrias simples trazem grande felicidade... 
Trabalhe a sua cura: O caminho de cura desta alma que escolheu para si mesma a provação de já ter tido muita coisa e de não fazer bom uso do poder que já usufruiu em vidas passadas, é procurar oferecer parte do seu tempo ao serviço voluntário. Abrir-se ao próximo e tentar perceber como as pessoas reagem aos desafios que a vida apresenta é um excelente remédio para a falta de prazer de viver. Tenha a certeza de que essa abertura para o próximo trará a você muita alegria e paz.